Estes são os procedimentos de cirurgia plástica realizados pela clínica de cirurgia plástica DA VINCI.

-

Abdominoplastia

-

Para uma estética corporal perfeita, aumento da autoestima e autoconfiança, homens e mulheres almejam um abdome trabalhado, atlético e liso. Mas nem sempre uma alimentação saudável, aliada à prática de uma atividade física é suficiente para manter um abdome em forma, já que as alterações na elasticidade da musculatura e da pele – causadas pelo envelhecimento, gestação ou emagrecimentos profundos – também influenciam nesse processo. Tudo isso afeta a capacidade de contração da pele, levando à flacidez. Para esses casos, a cirurgia de Abdominoplastia é a mais indicada, pois realiza a remoção de excessos de pele e gordura.

Pré operatório

-

CUIDADOS

Comunicar seu médico em caso de gripe, menstruação, indisposição, alterações psicológicas ou físicas, até dois dias antes da cirurgia.

Evitar a ingestão de refeições pesadas ou bebidas alcoólicas no dia que anteceder a cirurgia.

Evitar administração de medicamentos à base de ácido acetilsalicílico (aspirina) anti-inflamatórios e antifúngicos, pelo período de 10 dias antes da cirurgia.

Adiar seus compromissos indispensáveis para, pelo menos, duas ou três semanas após a cirurgia.

IDADE

Sem restrições quanto à idade ou sexo.

INTERNAÇÃO

O paciente permanecerá no local durante o tempo da cirurgia e, posteriormente, para algumas horas de recuperação anestésica e cirúrgica. Não há necessidade de internação.

GRAVIDEZ

O procedimento não é recomendado para mulheres que pretendem engravidar e não poderá ser realizado em gestantes.

ANESTESIA

A Abdominoplastia pode ser realizada com dois tipos de anestesias: peridural com sedação ou geral. Para casos especiais é utilizada a anestesia local, com sedação do paciente.

ATO CIRURGICO

O tempo de cirurgia pode ser de duas a três horas, ou mais, dependendo dos procedimentos associados.

Somente o cirurgião plástico poderá informar o tempo previsto para a Abdominoplastia, já que o tempo de procedimento é diferente do tempo total em que o paciente permanecerá no Centro Cirúrgico. O preparo da anestesia e a recuperação pós-cirúrgica estão compreendidas nesse período total.

PESO

Os casos de obesidade excessiva devem ser tratados previamente. Fora isso, não existe restrições de peso, dentro dos padrões, para realização do procedimento.

Pós operatório

-

BANHO

Não molhe a região da sutura por três semanas. O banho deve ser restrito às partes essenciais do corpo e o cabelo deve ser lavado separadamente.

CUIDADOS

Evitar por seis meses a exposição do abdome ao sol.

Evitar esforços.

Andar levemente curvada(o) durante 7 a 8 dias.

Obedecer a todas as orientações do seu médico.

Evitar subir escadas longas.

Retornar ao consultório para remoção ou troca dos curativos, nos dias e horários programados.

Evitar molhar o curativo.

Esclarecer todas as dúvidas somente com o cirurgião.

A partir do segundo dia, a alimentação é livre, priorizando a ingestão de proteínas e vitaminas, exceto em casos especiais.

Aguardar para fazer uma dieta ou regime de emagrecimento somente após orientação do seu médico.

MITOS E VERDADES

Não é possível corrigir o acúmulo interno de gordura no abdome (popular "barriga de chopp") com a Abdominoplastia.

PONTOS

O organismo costuma absorver as suturas principais. Caso haja pontos no umbigo ou orifícios da lipoaspiração, esses poderão ser removidos.

CICATRIZ

A cicatriz da Abdominoplastia é planejada pelo cirurgião para ficar sob as roupas de banho, horizontalmente acima dos ossos púbicos. O tamanho pode variar de acordo com a correção feita.

A cicatriz apresenta alguns estágios, tais como:

PERÍODO IMEDIATO: Aparência discreta e bonita, até o primeiro mês.

PERÍODO MEDIATO: Após o período de um mês, até um ano, a cicatriz passa por um processo de espessamento natural, mudando de tonalidade, passando da cor rosada até cores mais claras. Os pacientes não devem se preocupar, pois em seguida a cicatriz diminuirá seus vestígios.

PERÍODO TARDIO: De um ano a um ano e meio após a Abdominoplastia, a cicatriz fica mais fina e clara, assumindo sua aparência definitiva. Por isso a avaliação dos resultados deve ser feita após um ano e meio.

EXERCÍCIOS

Nas primeiras semanas do período pós-operatório, o paciente não deve realizar esforços físicos, sob o risco de romper os pontos feitos na musculatura. Gradualmente, a rotina pode ser retomada. Já os exercícios físicos mais intensos, dependendo da dimensão da cirurgia, só podem ser reiniciados de dois a três meses após a Abdominoplastia.

TRABALHO

As atividades leves podem ser retomadas em uma semana. Já as atividades mais pesadas (movimentos e esforço), deverão ser iniciadas de duas a três semanas após o procedimento, de acordo com as orientações do cirurgião plástico.

RECUPERAÇÃO

O paciente pode voltar às suas atividades de forma parcial uma semana após a Abdominoplastia, já que o período para recuperação dessa cirurgia plástica é maior.

COMPLICAÇÕES

Somente o seu médico poderá avaliar os riscos que a sua cirurgia plástica envolve. A Abdominoplastia raramente apresenta complicações mais sérias, se realizada dentro dos padrões de segurança exigidos.

DOR

A remoção de excessos de pele e gordura do abdome não costuma trazer muitas dores ao paciente e o desconforto pode ser amenizado com analgésicos comuns, receitados pelo seu médico.

RESULTADOS

Os períodos de inchaço do corpo são normais nos primeiros meses após a Abdominoplastia, assim como a falta de sensibilidade temporária em áreas pequenas, a aparência esticada. Esses sintomas costumam regredir naturalmente e com o auxílio de exercícios de modelagem, sendo que o resultado definitivo pode ser atingido após um ano da realização da cirurgia plástica.

CURATIVOS

Apenas a equipe cirúrgica poderá manipular os curativos especiais usados na primeira semana, durante a revisão após a Abdominoplastia.