Estes são os procedimentos de cirurgia plástica realizados pela clínica de cirurgia plástica DA VINCI.

-

Blefaroplastia

-

A Blefaroplastia é a cirurgia para orejuvenescimento do contorno dos olhos, através de um procedimento pouco invasivo, com uso de anestesia local. Essa cirurgia plástica pode ter um resultado de grande impacto na busca pelo rosto mais jovem, pois elimina o ar de cansaço e tristeza que as bolsas de gordura abaixo dos olhos e as pálpebras caídas causam.

Pré operatório

-

CUIDADOS

Evitar o fumo, ao menos, dois dias antes da cirurgia. O cigarro interfere na boa oxigenação dos tecidos e atrapalha a cicatrização.

Evitar administração de medicamentos antiinflamatórios à base de ácido acetilsalicílico (aspirina), por pelo menos duas semanas antes da cirurgia. Informar todos os medicamentos que estiver fazendo uso.

Evitar exposição solar prolongada por pelo menos duas semanas antes da cirurgia.

Tomar banho com sabonete antiséptico (ex. soapex), esfregando suavemente a face com esponja delicada, incluindo o couro cabeludo e o pescoço.

Não se deve usar maquiagem e nem esmalte nas unhas.

Manter-se em total jejum durante 6 horas antes da cirurgia.

É aconselhável trazer óculos escuros.

Comunicar qualquer distúrbio físico que possa ocorrer, até a véspera da intervenção.

ATO CIRÚRGICO

O ato cirúrgico da Blefaroplastia é realizado através de delicadas incisões na pálpebra superior e inferior. É possível retirar, ao mesmo tempo, as bolsas de gordura que tanto enfeiam o olhar.

INTERNAÇÃO

O período habitual de internação é de quatro a seis horas.

GRAVIDEZ

A Blefaroplastia não pode ser realizada em gestantes.

PESOO

Evita-se o procedimento em quem deseja emagrecer muitos quilos após a cirurgia.

IDADE

Não há idade específica para a realização do procedimento. A correção das características familiares que provocam aspecto inestético nas pálpebras pode ser feita a qualquer tempo, conforme desejo do paciente. É aconselhável que as alterações decorrentes do envelhecimento da pele sejam corrigidas antes que evoluam por muito tempo.

ANESTESIA

Na maior parte dos casos de plástica palpebral, o paciente é operado sob anestesia local (com sedação adequada feita por equipe anestésica). É uma situação de conforto e segurança, que permite procedimentos em pessoas idosas ou com saúde moderadamente comprometida (hipertensos, diabéticos, etc.) desde que clinicamente compensados.

Pós operatório

-

RECUPERAÇÃO

O inchaço dos olhos pode variar de paciente para paciente. O edema normalmente desaparece entre o quarto e oitavo dia após a cirurgia. De qualquer forma, nos três dias após a cirurgia é que se registram os maiores inchaços. É aconselhado, nessa fase, o uso de compressas frias, para diminuir os edemas e óculos escuros.

COMPLICAÇÕES

Sangramento e dificuldade passageira para fechar os olhos estão entre as possíveis complicações após a Blefaroplastia. Em raros casos, o inchaço persiste, mas está ligado a algo que já acontecia antes da cirurgia. As manchas roxas e avermelhadas podem aparecer em função do trauma cirúrgico, mas trata-se de um sintoma reversível e temporário.

EXERCÍCIOS

A atividade física está liberada após três semanas pós-procedimento.

DOR

Não é comum o registro de dor na cirurgia plástica de pálpebras. Em casos de pequenos períodos de dor ou sensibilidade maior, o uso de analgésicos comuns pode ser indicado.

RESULTADO

O resultado definitivo da Blefaroplastia será alcançado depois do terceiro mês, mas 25% do resultado final pode ser percebido após o oitavo dia pós-procedimento. É importante ressaltar que a Blefaroplastia não rejuvenesce toda face, se realizada de forma isolada. Por isso, a orientação do cirurgião plástico ao seu paciente sobre os resultados é muito importante.

CICATRIZ

Pela espessura fina da pelo das pálpebras, as cicatrizes do rejuvenescimento do contorno dos olhos ficam escondidas entre os sulcos da pele. Mas é importante respeitar o período de cicatrização completa, que é de três meses. A maquiagem já pode ser utilizada nos primeiros dias pós-cirurgia.

MITOS E VERDADES

Mito: a Blefaroplastia rejuvenesce todo o rosto.

Verdade: As melhoras originadas pela Blefaroplastia feita isoladamente proporcionam correções específicas e não a modificação geral da face.

PONTOS

Os pontos já são removidos antes do término de uma semana e a paciente já está liberada para o uso de maquiagem.

TRABALHO

Geralmente, de sete a dez dias são suficientes para o retorno dos pacientes ao trabalho.

BANHO

Ao tomar banho, não permitir que a água caia sobre os olhos por, pelo menos, uma semana.

CURATIVOS

São utilizadas pequenas fitas microporosas para prender as pontas dos fios de sutura. Para reduzir o inchaço é indicado o uso de compressas geladas.

CUIDADOS

Evitar alimentos quentes por 3 dias.

Evitar exposição ao sol e calor durante o primeiro mês após a Blefaroplastia.

Aplicar compressas frias por três dias, constantemente.

Utilizar o colírio diurno e o gel noturno, indicados no momento da alta, por uma semana.

Não ler, não assistir TV, nem usar computador durante os três primeiros dias.