Ginecomastia Pós-operatório

CURATIVOS

Durante a primeira revisão são trocados os curativos compressivos e indicada uma cinta adequada para o pós-operatório, por trinta dias.

CUIDADOS

Evitar o movimento em excesso dos braços. Seguir as instruções sobre a movimentação dos membros superiores, que são dadas no momento da alta. Não molhar o curativo, exceto se autorizado. Evitar exposição da região operada ao sol por dois meses.

CICATRIZ

O procedimento feito por lipoaspiração (mama gordurosa) deixa pequenas cicatrizes de três a quatro milímetros, quase invisíveis. Nos casos de remoção cirúrgica (mama glandular), a cicatriz fica situada no contorno inferior do mamilo e é avermelhada nos primeiros meses e esbranquiçada com o tempo, dependendo da genética do paciente.

TRABALHO

As atividades leves podem ser retomadas em três ou quatro dias.

RECUPERAÇÃO

De quinze a vinte dias após a cirurgia de redução da mama masculina, é comum a roxidão e o inchaço na região operada, além da sensibilidade na auréola – o que costuma ser transitório.

RESULTADO

Geralmente, 80% do resultado definitivo é obtido a partir do segundo mês pós Ginecomastia. Normalmente, de seis meses a um ano, com a cicatriz já amadurecida, chega-se à aparência desejada.

PONTOS

Após uma semana, retiram-se os pontos das pequenas incisões feitas para a lipoaspiração. Na remoção cirúrgica, não há necessidade da retirada dos pontos, pois são absorvidos pelo organismo.